Últimas Notícias

Hamilton vence última corrida do ano e quebra recorde

Vitória de ponta a ponta em Abu Dhabi garantiu ao piloto mais de 400 pontos na temporada

[...]

Leia +

Hamilton vence no Brasil e Mercedes fatura o penta

Com direito a quebra de recorde da pista no treino classificatório, Lewis termina em primeiro, Bottas em quinto e Flechas de Prata cumprem último grande objetivo da temporada: o título do Mundial de Construtores

[...]

Leia +

Em coletiva especial, PETRONAS lança nova linha de produtos Tutela

Além do lançamento, o evento contou com homenagens a Lewis Hamilton e à Fundação Bachiana Filarmônica, que recebeu doações de instrumentos da PLI

[...]

Leia +

Hamilton conquista o pentacampeonato mundial, 364 dias após o tetra

No México, mesmo circuito do último título, britânico crava seu nome como um dos maiores da história da F1, empata com Fangio e agora só perde para Schumacher em número de troféus

[...]

Leia +

EMBARQUE NESSA EXPERIÊNCIA DE VELOCIDADE!

O PETRONAS F1 Experience é uma experiência de Realidade Virtual que vai fazer você se sentir um verdadeiro piloto da equipe Mercedes-AMG PETRONAS!

[...]

Leia +

Hamilton quebra recordes na Hungria e Mercedes segue sobrando na F1

Publicado por: PETRONAS 20 de Julho de 2020
Hamilton quebra recordes na Hungria e Mercedes segue sobrando na F1

Quem segura? Entra domingo, sai domingo e cada vez mais a equipe Mercedes-AMG PETRONAS Formula One Team vai se distanciando em pontos e desempenho na F1. Dessa vez o show aconteceu na Hungria, em um GP mais animado que o esperado, mas que novamente contou com uma corrida isolada e recordes do hexacampeão Lewis Hamilton. Valtteri Bottas completou o pódio. 

A imprensa já destacava durante os treinos livres na sexta-feira: a diferença era grande. O tempo ruim fez com que os pilotos do time prateado poupassem esforços e minimizassem os riscos com o carro. No sábado, conforme esperado, a dobradinha na largada veio com folga. 

No domingo, a chuva anterior ao início do GP e a expectativa que ela voltasse (ou não) animaram as primeiras voltas. Na largada, Bottas não se saiu bem e precisou fazer uma corrida de recuperação para chegar ao pódio e quase conseguir nova dobradinha. Hamilton, desde o começo, foi correu sozinho. 

Logo nas primeiras voltas, praticamente todos os pilotos foram ao pit-stop trocar o jogo de pneus para se adaptar às previsões meteorológicas e ao estado da pista. Mais tarde, fariam pelo menos mais uma troca para ter pneus. A Mercedes-AMG PETRONAS fez mais duas: Bottas tentou repetir a estratégia de Hamilton no ano passado, parando na metade da prova e colocando pneus leves para alcançar o adversário; faltou muito pouco para dar resultado. Hamilton fez o mesmo faltando três voltas, visando o ponto extra pela volta mais rápida, e conseguiu; de bônus, ainda quebrou o recorde do circuito, fazendo 1min16s627.  

A vitória colocou o hexacampeão na liderança do campeonato, com 63 pontos, seis a mais que o companheiro Valtteri Bottas, em segundo. Também se igualou a Schumacher com expressivas oito vitórias em solo húngaro, outro recorde para o britânico que não para de conquistar. Lewis terminou a corrida com pelo menos uma volta de vantagem para todos os pilotos do sexto lugar para baixo. 

O #44, que foi perfeito durante todo o fim de semana, rasgou elogios e ressaltou novamente a estratégia correta da equipe. “A gente tinha um ótimo ritmo, mas não conseguiria vencer assim se não fosse por esses caras e essa grande estratégia. É muito bom conseguir esse ponto extra. Na primeira corrida ainda não estava pronto. Agora estivemos perfeitos durante todo o final de semana”, afirmou. 

Toto Wolff, chefe da equipe, também foi enfático nos elogios ao carro e ao motor. “O carro e o motor são umas feras. É o que a gente precisava. Os pilotos gostam, a dirigibilidade é boa, tem muita potência e downforce à beça”, disse. Vale lembrar o papel do lubrificante PETRONAS com tecnologia CoolTech™ para garantir a potência e a temperatura correta de um motor que tem sobrado nas pistas. 

Agora, a F1 tem uma breve pausa de uma semana e retorna no dia 2 de agosto, com o GP da Inglaterra, a primeira das duas corridas no circuito de Silverstone em 2020. A Mercedes-AMG PETRONAS já possui 121 pontos contra 55 da escuderia mais próxima, e caminha a passos largos para conquistar o inédito sétimo título consecutivo da F1. 

Não há comentários.

Últimas Notícias

Hamilton vence última corrida do ano e quebra recorde

Vitória de ponta a ponta em Abu Dhabi garantiu ao piloto mais de 400 pontos na temporada

[...]

Leia +

Hamilton vence no Brasil e Mercedes fatura o penta

Com direito a quebra de recorde da pista no treino classificatório, Lewis termina em primeiro, Bottas em quinto e Flechas de Prata cumprem último grande objetivo da temporada: o título do Mundial de Construtores

[...]

Leia +

Em coletiva especial, PETRONAS lança nova linha de produtos Tutela

Além do lançamento, o evento contou com homenagens a Lewis Hamilton e à Fundação Bachiana Filarmônica, que recebeu doações de instrumentos da PLI

[...]

Leia +

Hamilton conquista o pentacampeonato mundial, 364 dias após o tetra

No México, mesmo circuito do último título, britânico crava seu nome como um dos maiores da história da F1, empata com Fangio e agora só perde para Schumacher em número de troféus

[...]

Leia +

EMBARQUE NESSA EXPERIÊNCIA DE VELOCIDADE!

O PETRONAS F1 Experience é uma experiência de Realidade Virtual que vai fazer você se sentir um verdadeiro piloto da equipe Mercedes-AMG PETRONAS!

[...]

Leia +