Últimas Notícias

Hamilton vence última corrida do ano e quebra recorde

Vitória de ponta a ponta em Abu Dhabi garantiu ao piloto mais de 400 pontos na temporada

[...]

Leia +

Hamilton vence no Brasil e Mercedes fatura o penta

Com direito a quebra de recorde da pista no treino classificatório, Lewis termina em primeiro, Bottas em quinto e Flechas de Prata cumprem último grande objetivo da temporada: o título do Mundial de Construtores

[...]

Leia +

Em coletiva especial, PETRONAS lança nova linha de produtos Tutela

Além do lançamento, o evento contou com homenagens a Lewis Hamilton e à Fundação Bachiana Filarmônica, que recebeu doações de instrumentos da PLI

[...]

Leia +

Hamilton conquista o pentacampeonato mundial, 364 dias após o tetra

No México, mesmo circuito do último título, britânico crava seu nome como um dos maiores da história da F1, empata com Fangio e agora só perde para Schumacher em número de troféus

[...]

Leia +

EMBARQUE NESSA EXPERIÊNCIA DE VELOCIDADE!

O PETRONAS F1 Experience é uma experiência de Realidade Virtual que vai fazer você se sentir um verdadeiro piloto da equipe Mercedes-AMG PETRONAS!

[...]

Leia +

Em corrida caótica, outro show: Hamilton vence o primeiro GP da Arábia Saudita e mira título

Publicado por: PETRONAS 06 de Dezembro de 2021
Em corrida caótica, outro show: Hamilton vence o primeiro GP da Arábia Saudita e mira título

O GP da Arábia Saudita estreou com um cenário bem específico: poderia ser a corrida do título para Max Verstappen. Em vez disso, a primeira corrida em solo árabe entrou para a história com um roteiro muito mais conhecido e tradicional: um show de Lewis Hamilton, mesmo em uma corrida insana, com três largadas. Agora, o britânico empatou em pontos na liderança e o título será decidido na última etapa.

Como já é de praxe, os primeiros treinos livres servem para conhecer a pista na prática, além dos simuladores. Para Lewis Hamilton, um extra: seria a segunda corrida com um novo motor, que estreou na etapa histórica em Interlagos, duas corridas atrás. No dia seguinte, o treino classificatório definiu uma dobradinha da Mercedes: Lewis na pole pela 103ª vez e Bottas em segundo.

Após uma largada em que os três primeiros colocados mantiveram as suas posições, parecia que teríamos uma corrida sem grandes problemas. Mas a história começou a mudar a partir do acidente de Mick Schumacher, na volta 10. Após quatro voltas em bandeira amarela, a direção de problema anunciou a suspensão da corrida. O problema: Lewis e Valtteri tinham aproveitado para ir aos boxes, então Verstappen aproveitaria para relargar em primeiro.

Cerca de 30 minutos depois, uma nova largada e... Novo acidente! Novamente a prova precisaria de uma relargada. Mas essa volta única foi suficiente para gerar uma disputa acirrada pelo 1º lugar: em disputa com Hamilton, Verstappen fez uma manobra por fora da pista para manter a ponta e precisou relargar em terceiro.

Na terceira relargada, Lewis ficou no meio de dois carros e caiu para terceiro – mas recuperaria a segunda colocação logo na volta seguinte. A partir daí, começou a série de duelos mais quentes da corrida.

É importante frisar que, em um cenário de três largadas, parada de 30 minutos e um motor com apenas uma corrida feita, o lubrificante do carro precisa agir rápido, preenchendo todas as partes importantes do motor desde a partida. PETRONAS Syntium entrega essa agilidade, junto com a máxima proteção e o melhor desempenho, com uma fórmula ideal para o motor das pistas e das ruas.

Lewis e Verstappen quase reeditaram a cena da icônica batalha de Interlagos: em tentativa de ultrapassagem, ambos chegaram a sair da pista. Verstappen novamente utilizou o lado de fora e foi punido com 5 segundos. Na volta seguinte, o piloto holandês foi orientado a ceder a posição ao britânico devido a essa manobra. Um desentendimento fez ambos colidirem, gerando danos ao carro do #44. Finalmente, na volta 43, Hamilton assumiu a liderança de vez e garantiu a vitória. E importante: com direito a ponto extra pela volta mais rápida.

Com 26 pontos a mais, agora ambos estão empatados com 269,5 pontos na liderança do campeonato. Quem chegar na frente e dentro da zona de pontuação na última corrida, domingo que vem, às 10h (horário de Brasília) leva o título mundial! Lewis chega embalado, após três vitórias seguidas. No Mundial de Construtores, apenas uma catástrofe tira o oitavo título seguido da equipe Mercedes-AMG PETRONAS: 44 pontos em disputa, a vantagem é 28 pontos.

A semana vai passar devagar para os fãs de F1! Fique Frio e que venha domingo!

Não há comentários.

Últimas Notícias

Hamilton vence última corrida do ano e quebra recorde

Vitória de ponta a ponta em Abu Dhabi garantiu ao piloto mais de 400 pontos na temporada

[...]

Leia +

Hamilton vence no Brasil e Mercedes fatura o penta

Com direito a quebra de recorde da pista no treino classificatório, Lewis termina em primeiro, Bottas em quinto e Flechas de Prata cumprem último grande objetivo da temporada: o título do Mundial de Construtores

[...]

Leia +

Em coletiva especial, PETRONAS lança nova linha de produtos Tutela

Além do lançamento, o evento contou com homenagens a Lewis Hamilton e à Fundação Bachiana Filarmônica, que recebeu doações de instrumentos da PLI

[...]

Leia +

Hamilton conquista o pentacampeonato mundial, 364 dias após o tetra

No México, mesmo circuito do último título, britânico crava seu nome como um dos maiores da história da F1, empata com Fangio e agora só perde para Schumacher em número de troféus

[...]

Leia +

EMBARQUE NESSA EXPERIÊNCIA DE VELOCIDADE!

O PETRONAS F1 Experience é uma experiência de Realidade Virtual que vai fazer você se sentir um verdadeiro piloto da equipe Mercedes-AMG PETRONAS!

[...]

Leia +