Marca impressionante foi alcançada em um fim de semana que a chuva ditou o ritmo e as surpresas. De quebra, o britânico reassumiu a liderança do campeonato 

"> Marca impressionante foi alcançada em um fim de semana que a chuva ditou o ritmo e as surpresas. De quebra, o britânico reassumiu a liderança do campeonato 

"/> Marca impressionante foi alcançada em um fim de semana que a chuva ditou o ritmo e as surpresas. De quebra, o britânico reassumiu a liderança do campeonato 

">

Últimas Notícias

Hamilton vence última corrida do ano e quebra recorde

Vitória de ponta a ponta em Abu Dhabi garantiu ao piloto mais de 400 pontos na temporada

[...]

Leia +

Hamilton vence no Brasil e Mercedes fatura o penta

Com direito a quebra de recorde da pista no treino classificatório, Lewis termina em primeiro, Bottas em quinto e Flechas de Prata cumprem último grande objetivo da temporada: o título do Mundial de Construtores

[...]

Leia +

Em coletiva especial, PETRONAS lança nova linha de produtos Tutela

Além do lançamento, o evento contou com homenagens a Lewis Hamilton e à Fundação Bachiana Filarmônica, que recebeu doações de instrumentos da PLI

[...]

Leia +

Hamilton conquista o pentacampeonato mundial, 364 dias após o tetra

No México, mesmo circuito do último título, britânico crava seu nome como um dos maiores da história da F1, empata com Fangio e agora só perde para Schumacher em número de troféus

[...]

Leia +

EMBARQUE NESSA EXPERIÊNCIA DE VELOCIDADE!

O PETRONAS F1 Experience é uma experiência de Realidade Virtual que vai fazer você se sentir um verdadeiro piloto da equipe Mercedes-AMG PETRONAS!

[...]

Leia +

Rei: Hamilton alcança 100ª vitória e mantém escrita da Mercedes-AMG PETRONAS na Rússia

Publicado por: PETRONAS 27 de Setembro de 2021
Rei: Hamilton alcança 100ª vitória e mantém escrita da Mercedes-AMG PETRONAS na Rússia

Quando você detém praticamente todos os recordes da F1, o que resta? Atingir marcas ainda mais históricas, é claro! Essa é a rotina do imparável Lewis Hamilton nas pistas, que agora atingiu o número de 100 vitórias na principal categoria do automobilismo. De quebra, o piloto sete vezes campeão do mundo reassumiu a liderança do campeonato e manteve a escrita da equipe Mercedes-AMG PETRONAS na Rússia: nunca perder! São oito etapas e oito vitórias. 

O fim de semana também marcou a mudança de motor de Valtteri Bottas e uma exigência máxima tanto em uma pista seca, quanto em forte chuva. Tudo isso no alto rendimento da principal categoria do automobilismo. Para garantir o melhor desempenho, a equipe Mercedes-AMG PETRONAS contou com PETRONAS Syntium, o lubrificante que mantém o motor frio, mesmo sob pressão. 

Lewis e Bottas andaram muito bem nos dois primeiros treinos livres, na sexta-feira, fazendo a dobradinha. A terceira sessão foi cancelada, devido à forte chuva que caiu em Sochi. Aliás, essa condição meteorológica seria fundamental em todos os dias do Grande Prêmio da Rússia. 

No sábado, o bom desempenho dos pilotos da equipe Mercedes-AMG PETRONAS seguiu no treino de classificação. Dobradinha no Q1 e no Q2, com presença de chuva. Lewis era o favorito para conquistar a pole, mas na hora de definir a classificação no Q3, o circuito já estava bem mais seco. Alguns pilotos largaram antes com pneus para pista seca. Quando Lewis foi fazer a troca, cometeu o que classificou como “pequeno erro, após ver o VT”, e se chocou com o muro, o que comprometeu a sua asa dianteira. Ficou com o quarto lugar. 

Antes da corrida, a batalha de estratégias entre Mercedes-AMG PETRONAS e Red Bull já estava acontecendo: Verstappen optou por trocar componentes do carro para ganhar mais potência e, por isso, largaria em último. Como “resposta”, a atual heptacampeã trocou o motor de Bottas para uma versão mais atualizada, o que fez o finlandês perder 10 posições e largar em 17º. A ideia era clara: “atrasar” Verstappen no começo da corrida. 

No domingo, um show de fatos imprevisíveis marcou a etapa. As estratégias de pneus já davam o tom da corrida: 13 pilotos optaram pelos compostos médios, enquanto sete foram de duros. Equilíbrio. Na largada, Lewis tentou fazer uma ultrapassagem por dentro e ficou “encaixotado”, perdendo três posições e caindo para sétimo. Bottas foi bem e ganhou duas posições, indo para 15º. 

E o começo foi pouco promissor: Hamilton não encontrou uma boa janela de ultrapassagem para melhorar a sua colocação e foi mantendo um tempo abaixo da sua média. Enquanto isso, no pelotão de trás, Verstappen fazia boa corrida e quebrava a estratégia da Mercedes após ultrapassar Bottas com poucas voltas.  

Mas quem conhece o piloto sete vezes campeão da F1 sabe que ele não coloca todas as cartas na mesa logo nas primeiras voltas. Conforme os pilotos começaram a parar para os seus pit-stops, Lewis sabia que era hora de acelerar ao máximo para, pouco depois, fazer a sua parada. Então, com os pneus já gastos e a pista um pouco mais livre, tirou duas melhores voltas seguidas da cartola. 

Pouco depois, no pit-stop, recebeu a “companhia” de Max Verstappen, que parou na mesma volta. Hamilton trocou os pneus médios pelos duros, enquanto o rival fez o oposto. As condições da pista permitiam que a estratégia principal da corrida fosse de apenas uma parada. Na saída dos boxes, Lewis retornou com dois carros entre ele e o rival. E aí a corrida começou a virar... 

Mesmo com os pneus duros, o britânico começou a lembrar o motivo de ser sete vezes campeão do mundo, com um desempenho impressionante. O chefe da equipe, Toto Wolff, chegou a pegar o rádio do engenheiro para mandar um recado bem direto: “Lewis, você ainda pode vencer essa prova”. E, faltando 15 voltas para acabar a corrida, o cenário era: Lewis em segundo, disputando a liderança na casa de 1s, após tirar uma vantagem enorme do líder Lando Norris, e Verstappen em sétimo, com perda de desempenho e vendo o oitavo colocado se aproximar. 

Mas lembram que a chuva foi decisiva em todos os dias do fim de semana de Sochi? Ela apareceu também no domingo, faltando pouco mais de cinco voltas para acabar a corrida. Primeiro, com alguns pingos e prejudicando apenas um dos três setores; mas logo depois caiu uma tempestade que mudou o rumo da corrida: todos os carros foram correndo aos boxes para colocar pneus de chuva. Bottas, em 15º, foi o primeiro; Hamilton, com mais de 40 segundos de vantagem para o terceiro, foi logo depois. E Lando Norris... Achou que conseguiria levar o carro assim até o fim e ignorou a ordem da equipe. 

O resultado: o compatriota de Lewis rodou, não conseguiu manter o carro na pista, quase não conseguiu entrar nos boxes por falta de controle e terminou em 7º. Lewis passou voando faltando três voltas para acabar e recebeu a bandeirada com uma placa especial com “LH100”, quase um minuto à frente de Verstappen, que viu a segunda colocação cair no colo. Na confusão, Bottas conseguiu uma ótima quinta colocação. Depois de cinco corridas, o #44 voltava e vencer a cravava a 100ª vitória na F1! 

Toto Wolff, chefe da equipe, garantiu que a vitória só terá o devido reconhecimento daqui a alguns anos. “Acho que presenciamos uma corrida simplesmente fantástica. 100 vitórias na carreira, isso é incrível. Hoje, conversamos sobre isso e seguirá por 24 horas no noticiário. Mas a ficha de que fizemos parte disso vai cair mesmo daqui alguns anos”, afirmou. 

A F1 agora para por duas semanas, antes do GP da Turquia, no dia 10 de outubro, às 9h (horário de Brasília), onde Lewis Hamilton conquistou a vitória no ano passado. Agora, o piloto conta com três pontos de vantagem na liderança do campeonato, enquanto a equipe Mercedes-AMG PETRONAS tem uma folga um pouco mais confortável no Mundial de Construtores: 33 pontos. 

 

CONFIRA ESTATÍSTICAS DAS 100 VITÓRIAS DE LEWIS HAMILTON NA F1: 

281 GP’s (171 equipe Mercedes-AMG PETRONAS) 

100 vitórias (79 pela equipe Mercedes-AMG PETRONAS) 

35,59% de vitórias (a maior taxa de pilotos com 25+ corridas na história) 

101 poles (75 pela equipe Mercedes-AMG PETRONAS) 

176 pódios (127 pela equipe Mercedes-AMG PETRONAS) 

Nessa corrida, Lewis ultrapassou a marca de 4 mil pontos conquistados na F1: 4.024,5.  

Não há comentários.

Últimas Notícias

Hamilton vence última corrida do ano e quebra recorde

Vitória de ponta a ponta em Abu Dhabi garantiu ao piloto mais de 400 pontos na temporada

[...]

Leia +

Hamilton vence no Brasil e Mercedes fatura o penta

Com direito a quebra de recorde da pista no treino classificatório, Lewis termina em primeiro, Bottas em quinto e Flechas de Prata cumprem último grande objetivo da temporada: o título do Mundial de Construtores

[...]

Leia +

Em coletiva especial, PETRONAS lança nova linha de produtos Tutela

Além do lançamento, o evento contou com homenagens a Lewis Hamilton e à Fundação Bachiana Filarmônica, que recebeu doações de instrumentos da PLI

[...]

Leia +

Hamilton conquista o pentacampeonato mundial, 364 dias após o tetra

No México, mesmo circuito do último título, britânico crava seu nome como um dos maiores da história da F1, empata com Fangio e agora só perde para Schumacher em número de troféus

[...]

Leia +

EMBARQUE NESSA EXPERIÊNCIA DE VELOCIDADE!

O PETRONAS F1 Experience é uma experiência de Realidade Virtual que vai fazer você se sentir um verdadeiro piloto da equipe Mercedes-AMG PETRONAS!

[...]

Leia +